30.3 C
Manaus

DISQUE DENÚNCIA

TV Onda Digital AO VIVO

ao vivo

ao vivo

Votação da lei Paulo Gustavo acontece amanhã na Câmara Federal: veja como a bancada amazonense vai votar

Publicado em:

- Anúncio -

Amanhã, dia 22, deverá ser votado na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei Paulo Gustavo, que pretende liberar R$ 3,8 bilhões para o setor cultural brasileiro, combalido pela pandemia de Covid. O projeto já foi aprovado pelo Senado em novembro passado, agora está na Câmara, e é batizado em homenagem ao famoso humorista que faleceu vítima da Covid, em maio de 2021.

A votação em plenário estava originalmente marcada para o último dia 15, mas foi adiada. Segundo a deputada Jandira Feghali, pareceres do Ministério da Economia e da Secretaria Especial de Cultura embasariam posição contrária da base do governo Bolsonaro ao PL.

Veja mais:

Secretário de Cultura Mário Frias insinua em live que Paulo Gustavo não morreu de Covid

Sidney Leite defende ampliação do número de deputados amazonenses na Câmara

O site amazonense Cine Set, especializado em cinema, entrou em contato com a bancada amazonense na Câmara, para saber como os deputados votarão sobre a proposta. Dos oito deputados, quatro se manifestaram a favor da proposta e garantiram votar pela sua aprovação: Bosco Saraiva (Solidariedade), José Ricardo (PT), Marcelo Ramos e Sidney Leite (PSD). Leite afirmou: “Trata-se de um segmento [a cultura] que gera milhares de empregos em todo o país e foi a área que mais sofreu. Mais do que nunca, ela precisa de atenção”. Já Ramos fez questão de lembrar que pautou o projeto na primeira votação quando estava na presidência da Câmara.

Dentre os outros quatro deputados, a assessoria de Átila Lins informou que, apesar de valorizar a importância do setor cultural, ele aguarda posicionamento  do PP, partido da base do governo, para definir seu voto. Os demais deputados – Capitão Alberto Neto (Republicanos), Delegado Pablo (PSL) e Silas Câmara (Republicanos) não se pronunciaram sobre o assunto, mas os três também fazem parte da base aliada do governo.

Vale destacar que o setor cultural amazonense deverá receber R$ 86,8 milhões caso a lei Paulo Gustavo seja aprovada: R$ 51,5 milhões de repasse direto ao Estado e R$ 35,3 milhões aos municípios, que possibilitarão a produtores desenvolverem seus projetos culturais e dar emprego a milhares de pessoas.

Via Cine Set.

Deixe seu comentário
- Anúncio -
Tribunal de Contas do Estado do Amazonas
UEA - Universidade Estadual do Amazonas  - Informativo

| Compartilhar

Ivanildo Pereira
Ivanildo Pereira
Repórter de política na Rede Onda Digital Jornalista formado pela Faculdade Martha Falcão Wyden. Política, economia e artes são seus maiores interesses.

Últimas Notícias

- Anúncio -
TV Onda Digital
Rádio Onda Digital
Entrar no grupo de Whatsapp - Rede Onda Digital
Youtube - Rede Onda Digital

Mantenha-se conectado

0FansLike
0FollowersFollow
513FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Anúncio -