29.3 C
Manaus

DISQUE DENÚNCIA

TV Onda Digital AO VIVO

ao vivo

ao vivo

Deputado Sinésio diz que diretor da Amazonas Energia pode ser preso por mentir à CPI

Publicado em:

- Anúncio -

Ao participar hoje do programa Fiscaliza Geral da rádio Onda Digital, o deputado estadual Sinésio Campos (PT) falou sobre as novas ações da CPI da Energia e comentou sobre o suposto perjúrio (crime de mentira sob juramento) que o diretor-presidente da Amazonas Energia, Radyr de Oliveira, teria cometido no seu depoimento. Ao depor sobre a prática do “encontro de contas” à CPI e sua relação com a iluminação pública, Oliveira teria afirmado que ela não ocorre, mas o deputado diz o contrário.

Veja mais:

Fausto Junior pede fim da concessão da Amazonas Energia

Comissão da OAB afirma: “Amazonas Energia deve ressarcir de imediato os consumidores”

Nessa prática, a concessionária retém parte ou todo o valor arrecadado para pagar as faturas de iluminação pública, sem repassar nada ao município para abater do montante. Na conversa, Sinésio explicou o conceito do “encontro de contas”: “É a mesma coisa do netinho pegar o cartão da aposentadoria da sua vó, e ele mesmo negociar e fazer o saque do dinheiro. É indevido. O dinheiro da iluminação pública é para a iluminação pública. A Amazonas Energia está se apropriando desse dinheiro, sob a justificativa de dívidas da prefeitura. Ou seja, a prefeitura que pague. Ora, o  povo não pode pagar dívida da prefeitura com o dinheiro da iluminação pública”.

O deputado continuou: “Isso é crime, e o senhor Radyr afirmou que isso não acontecia. Que os valores estariam sendo repassados normalmente para as prefeituras. Se na primeira prefeitura que visitamos isso já aconteceu, é considerado normal, então provavelmente as outras vão afirmar a mesma coisa. E ainda tenho mais sete municípios para visitar”.

Sinésio falou também sobre o crime de perjúrio e possibilidade de pena de prisão. “Vai depender de uma ação do próprio Ministério Público. Ele [Radyr] vai ser reconvocado, estará dia 11 de março de novo na CPI a partir das 14h. Mas o MP pode assumir de imediato essa providência”.

Da Redação.

 

Deixe seu comentário
- Anúncio -
Tribunal de Contas do Estado do Amazonas
UEA - Universidade Estadual do Amazonas  - Informativo

| Compartilhar

Ivanildo Pereira
Ivanildo Pereira
Repórter de política na Rede Onda Digital Jornalista formado pela Faculdade Martha Falcão Wyden. Política, economia e artes são seus maiores interesses.

Últimas Notícias

- Anúncio -
Rádio Onda Digital
Entrar no grupo de Whatsapp - Rede Onda Digital
Youtube - Rede Onda Digital
TV Onda Digital

Mantenha-se conectado

0FansLike
0FollowersFollow
513FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Anúncio -