31.3 C
Manaus

DISQUE DENÚNCIA

OUÇA AO VIVO

ASSISTA AO VIVO

Rodrigo Guedes denuncia cartel em postos de gasolina e Diego Afonso rebate: “palanque político”

Publicado em:

- Anúncio -

Na última quinta-feira (10), a Petrobrás anunciou reajuste de 18,77% no preço da gasolina. No mesmo dia, vários postos de Manaus passaram a aumentar o preço do combustível nas bombas em até R$ 1 – R$ 0,40 a mais do acréscimo aplicado nas refinarias. No entanto, a medida anunciada pela empresa só entraria em vigor na sexta-feira (11).

Durante pronunciamento na Câmara Municipal de Manaus (CMM), o vereador Rodrigo Guedes (PSC) denunciou, por ocasião do Dia do Consumidor, celebrado ontem (15), prática de cartel em postos de combustíveis de Manaus.

“Esses postos agiram de forma covarde e criminosa contra a população. E isso não é modo de falar: o Código de Defesa do Consumidor configura essa medida como crime contra a economia popular”, afirmou o vereador. “Se valeram da informação pública, e do fato de que todos já sabiam do anúncio pelas redes sociais e pela imprensa, e anteciparam o aumento da Petrobrás”.

 


Leia mais:

Justiça determina que governo explique reajuste no preço da gasolina

Vereador Rodrigo Guedes entra com representação no MP contra aumento da gasolina em Manaus


 

Guedes citou um processo em tramitação na justiça federal desde 2002 que identificou a existência de uma organização de cartel em postos de gasolina da capital. 12 proprietários do ramo de combustíveis foram condenados, porém a ação teria prescrito por inércia judicial.

Em aparte ao pronunciamento de Guedes, o vereador Diego Afonso (União Brasil) afirmou que cabe ao Instituto de Defesa do Consumidor (Procon) fiscalizar se houve prática abusiva por parte dos empresários e desafiou o colega a provar a denúncia.

“Não posso permitir que Vossa Excelência dê a sentença contra centenas de empresários, que é a ponta mais fraca. Quer dizer que todo segmento agora é cartel? Prove o que está falando. Aumentar e subir preços não é formação de cartel, e o senhor sabe disso. Cartel é combinação de preços”, rebateu Afonso, que também é empresário do ramo de combustíveis.

Afonso acrescentou que todos os empresários julgados no processo foram condenados, e que a política de preços da Petrobrás prejudicou os postos de gasolina ao longo dos anos.

Não faça palanque político em cima de um segmento tão importante para o Amazonas e para o país”, declarou o vereador.

 

Daniel Amorim, da redação

Deixe seu comentário
- Anúncio -
Tribunal de Contas do Estado do Amazonas
UEA - Universidade Estadual do Amazonas  - Informativo
Tribunal de Contas do Estado do Amazonas

| Compartilhar

Jornalismo
Jornalismo
Equipe de jornalismo do portal Rede Onda Digital.

Últimas Notícias

- Anúncio -
Entrar no grupo de Whatsapp - Rede Onda Digital
Siga-nos no X
TV Onda Digital
Rádio Onda Digital
Youtube - Rede Onda Digital
Instagram Rede Onda Digital

Mantenha-se conectado

0FansLike
0FollowersFollow
513FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Anúncio -