26.3 C
Manaus

DISQUE DENÚNCIA

TV Onda Digital AO VIVO

ao vivo

ao vivo

Secretário de Saúde do AM ressalta vacinação como prevenção para Deltacron

Publicado em:

- Anúncio -

O secretário de Saúde do Amazonas, Anoar Samad, ressaltou que a vacina contra a Covid-19 é a principal medida de prevenção contra a nova variante identificada no país, a Deltacron. O Ministério da Saúde confirmou, nesta terça-feira, dia 15, o registro de dois casos desta variante no Brasil, um no Pará e outro no Amapá.

Segundo o secretário Samad, “Esta variante possui carga viral que se origina, principalmente, da variante Ômicron. Por conta disto, o risco de que haja uma nova alça epidemiológica é considerado baixo”. A variante Ômicron gerou uma terceira onda de Covid no estado, mas mostrou menor número de internações devido ao avanço da vacinação.


Leia mais:

Variante Deltacron tem 2 casos confirmados no Brasil

Covid-19: novo recorde de casos impõe medidas de isolamento na China


“Deltacron! Chamamos esse tipo de vírus de vírus recombinante”, disse Samad. “Apesar de existir, pelo menos desde janeiro deste ano, ainda não demonstrou capacidade de crescer e de se tornar a variante dominante. O genoma deste vírus recombinante também sugere que não representaria uma nova fase da pandemia, pois o que codifica a proteína de superfície do vírus, conhecida como Spike, vem quase inteiramente da Ômicron. O resto do genoma é Delta”

“A proteína Spike é a parte mais importante no mecanismo de invadir as células do nosso corpo. É também o principal alvo dos anticorpos produzidos por meio de infecções e vacinas. Portanto, as defesas que as pessoas adquiriram contra a Ômicron por meio de infecções, vacinas ou ambos, devem funcionar muito bem contra essa nova variante recombinante”, completou Samad.

Além disso, a diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Tatyana Amorim, também falou sobre a nova variante e ressalta que uso de máscara e vacinação continuam sendo as maiores armas para o enfrentamento da Covid. “É importante salientar que a máscara permanece obrigatória em ambientes fechados. A responsabilidade é de todos nós, então é preciso que as pessoas com mais de 70 anos e quem tem comorbidades e doenças de imunossupressão usem máscara e mantenham a higiene das mãos”.

Via Assessoria.
Deixe seu comentário
- Anúncio -
UEA - Universidade Estadual do Amazonas  - Informativo
Tribunal de Contas do Estado do Amazonas

| Compartilhar

Ivanildo Pereira
Ivanildo Pereira
Repórter de política na Rede Onda Digital Jornalista formado pela Faculdade Martha Falcão Wyden. Política, economia e artes são seus maiores interesses.

Últimas Notícias

- Anúncio -
TV Onda Digital
Youtube - Rede Onda Digital
Rádio Onda Digital
Entrar no grupo de Whatsapp - Rede Onda Digital

Mantenha-se conectado

0FansLike
0FollowersFollow
513FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Anúncio -